Oportunidades atuais do hidrogênio como vetor de desenvolvimento socioeconômico regional com apresentação de projetos para o desenvolvimento socioeconômico de duas regiões mobilizadas pela energia: Alentejo e Extremadura unidas pelo hidrogênio.

Trata-se de uma iniciativa da sociedade civil em cooperação com a Consejería de Economia, Ciencia y Digitalización de la Junta de Extremadura. Pretende ser um primeiro e importante evento, pioneiro das possibilidades que as tecnologias do hidrogénio irão desempenhar no Sudoeste Ibérico (SoI).

O que queremos alcançar?

A partir da Sociedade Civil e da Administração territorial da Extremadura e do Alentejo promove-se uma análise do meio envolvente para captar o interesse pelo desenvolvimento regional socioeconómico, industrial, energético, ambiental e tecnológico, procurando no hidrogénio um bom aliado estratégico.

O objetivo é aproveitar o potencial das duas regiões ibéricas para desenvolver um tecido económico apoiado nas oportunidades para dispor de infraestruturas para a implantação do hidrogénio como veículo de interconexão e de coesão territorial, do ponto de vista de constituir uma aposta para a transição energética. O hidrogénio, por isso, representa uma oportunidade para a integração perfeita das energias renováveis no abastecimento descarbonizado da economia, tanto em 2030, horizonte da Transição energética da União Europeia, como na preparação para atingir valores mínimos de emissões em 2050, onde a eletricidade renovável forneça a totalidade da energia à rede.

As duas regiões reúnem-se para levar a cabo uma análise estratégica em torno desse objetivo, identificando as oportunidades que derivam do estado atual das políticas territoriais, económico-energéticas e tecnológico-industriais; procurando no hidrogénio o vetor que aglutine a todas elas num território que é uma encruzilhada de interesses: cruzamento de vias de comunicação, de produção elétrica massiva; território com condições de insolação insuperáveis, com o maior conjunto de barragens da Europa, eixo transversal e longitudinal de novas economias, etc.

Por outro lado, dada a extensão da temática a tratar, os responsáveis das duas regiões promotoras acordaram em dividir a exposição em 5 sessões com periodicidade mensal: a primeira, objeto do presente documento de apresentação, tratará de abordar a globalidade da questão, muito centrada na oferta territorial e no tecido onde deverá instalar-se, assinalando as potencialidades e as virtudes do desenvolvimento que proporciona uma iniciativa com estas dimensões e, em meses sucessivos, tratar quatro potenciais específicos: tecnologias, produção e transformação; sistemas de distribuição e utilizações; transporte e mobilidade; e, por fim, armazenamento e gerenciamento. Todas as Jornadas serão virtuais, utilizando meios informáticos avançados.

A apresentação inaugural está agendada para o dia 16 de junho às 12:00 h, em Espanha e 11:00, em Portugal, com uma duração prevista de duas horas.

Após o itinerário dos encontros virtuais-mesa de especialistas haverá uma jornada presencial

Local:

Parque Científico y Tecnológico de Extremadura Fundecyt. EDIFICO PCTEx
Avda. de la Investigación, s/n Campus Universitario – Badajoz

Data:

Novembro de 2020 (data sujeita a alteração devido ao COVID 19)