Trata-se de uma iniciativa da sociedade civil em cooperação com a Consejería de Economía, Ciencia y Digitalización de la Junta de Extremadura. Pretende ser um primeiro e importante evento, pioneiro das possibilidades que as tecnologias do hidrogénio vão desempenhar no Sudoeste Ibérico (SoI).

O que queremos alcançar?

Constituir uma primeira abordagem do tema e promover o potencial e as possibilidades que as tecnologias, na perspetiva da produção,  distribuição, armazenagem e utilização do hidrogénio representam no Sudoeste Ibérico (SoI).

Porque será 2020 um ano histórico para a sociedade do hidrogénio

O hidrogénio obteve um impulso substancial em 2019, que culminou com o enfoque na Cimeira do G20 no Japão, sobre como aproveitar os seus benefícios. E 2020-2021 poderia também converter-se num outro período histórico:

  • O Japão voltará a ser o palco central, com a realização dos Jogos Olímpicos desenhados como uma montra do hidrogénio: a Aldeia Olímpica funcionará com hidrogénio, transportará os visitantes e inclusivamente a tocha olímpica utilizará este gás.
  • Outros locais também se destacam pela sua inovação neste tema, a Universidade de Keele, no Reino Unido, começou o ano com uma “primeira” injeção de hidrogénio, injetando cerca de 20% de hidrogénio na sua rede de gás natural para abastecer edifícios e residências da Universidade. No certame “Consumer Electronics Show”, em Las Vegas (EUA), anunciou-se uma “cidade do futuro” alimentada por células de combustível. Para além disso, uma nova onda de conferências da indústria na Europa e a terceira Reunião Ministerial de Energia do Hidrogénio do Japão, verão os responsáveis políticos, peritos, e empresas dar forma ao futuro da “Sociedade do Hidrogénio”.

A Europa está a iniciar uma transição para uma economia mais ecológica  e sustentável que representará importantes alterações e portanto desafios em matéria de clima, energia e mobilidade, consequência do compromisso dos Estados Europeus, no seu conjunto, com uma Europa líder em energias renováveis, tecnologia e sustentabilidade. Um compromisso que deve traduzir-se também em criar mais e melhores postos de trabalho, acelerar a transformação industrial desde a inovação e o crescimento inclusivo.

Neste contexto, faz todo o sentido explorar durante uma primeira Jornada Ibérica, e em cooperação com a sociedade civil e todos os agentes interessados no tema, as possibilidades das tecnologias do hidrogénio para contribuir para tão importante transformação da nossa economia e sociedade, entendendo-se que essas possibilidades se concretizarão nas diferentes regiões da Europa, sob a forma de sistemas que, em conjunto, trarão mais valor que numa forma separada, cada um por si, na forma como entendemos que será um Sistema de Sistemas.

Después del itinerario de webinar habrá una jornada presencial

Local:

Parque Científico y Tecnológico de Extremadura Fundecyt. EDIFICO PCTEx
Avda. de la Investigación, s/n Campus Universitario – Badajoz

Data:

Setembro de 2020 (data sujeita a alteração devido ao COVID 19)